sexta-feira, 19 de agosto de 2016

BOMBA EM ALVALADE



O avança do leonino Slimani não quis viajar com a equipa para Paços de Ferreira e só o fez graças à intervenção de um dirigente daquele clube.

Em causa está mais uma aldrabice de Bruno de Carvalho que prometeu reunir-se com o jogador para acertar o aumento salarial e não compareceu a essa reunião e nem sequer deu explicações (QUE ADMIRAÇÃO).

Tudo leva a crer que o presidente daquela agremiação arquitectou mais uma jogada levando Slimani ao engano. Uma vez mais se comprova que aquele sujeito passa por cima de tudo e de todos não respeitando nada nem ninguém só para atingir os seus objectivos.

Ao nível dos maiores malabaristas e pantomineiros.